Metilenotetrahidrofolato Redutase (MTHFR)

Prazo: 30 dias Método: PCR/ RFLP
Material: sangue em EDTA (5ML)

A variante termolábil da MTHFR é uma responsável genética pela deficiente conversão de homocisteína em cistationina, causando a hiperhomocisteinemia. Isto constitui fator de risco isolado para doenças vasculares, incluindo a doença arterial coronariana, o tromboembolismo venoso e arterial e o acidente cerebral vascular. Estudos de meta-análise reforçam a importância da hiperhomocisteinemia como fator de risco para o tromboembolismo venoso.

Aceitamos os cartões:

tel

tel (27) 3314-3246
email dna@dnalab.med.br

Rua Hélio Marconi, 42, Bento Ferreira, Vitória - ES
©DNALAB 2014, Todos os direitos reservados.